.
.

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Fogo de artificio do reveillon dá lugar a maior apoio social




O fim-de-ano será sem fogo-de-artifício, mas com mais apoio social. “Sabemos que a população irá compreender que há verbas que têm de passar a ser gastas de outra forma”, explica a vereadora da Acção Social da Câmara da Marinha Grande, Cidália Ferreira.
A responsável refere-se ao habitual espectáculo de pirotecnia nas praias do concelho e na cidade. Este ano não vai ser suportado pela autarquia.
A ideia é canalizar a verba – cerca de 4.500 euros – para instituições que promovam o bem social. De resto, as medidas de cariz social mantêm-se em vigor, sendo o cheque-natalidade a mais emblemática.
Arrancou em Julho e os primeiros cheques começaram a ser entregues. Os pedidos têm chegado diariamente e a medida ganha maior relevância com as restrições no abono de família.
Carlos Almeida "Região de Leiria"

17 comentários:

Fê-blue bird disse...

Parabéns! Uma excelente medida.
Vamos ver se por cá, falo em Lisboa e Almada que são os sítios que sei que gastam milhares de euros nestes espectáculos, seguem o exemplo.

Beijunhos

utente da tumg disse...

e já agora aproveitem a onda e transformem o salário do presidente do conselho de administração da tumg em apoio social

Anónimo disse...

Pena que não tenham tido o mesmo tipo de preocupações com as verbas astronómicas dispendidas na Bienal. Ou será que a Sra. Vereadora está com má consciência?

flor de jasmim disse...

Pois!!! De borla por prazer, por convicçao já lá vai o tempo, já não há nada como antes...são modernisses...ou será apenas simplex!!!

Rogério Pereira disse...

Medida acertada
Parecem ser trocos... mas dá-se um sinal! E todos nós precisamos de sinais!

Abraço ao coletivo

Isa GT disse...

O grande problema foi sempre considerar tudo "de pouca monta ou sem importância" e andaram-se a esquecer que "de grão a grão, enche a galinha o papo" portanto... parabéns pelo começo... só espero que não seja Uma medida para portuguesinho ver ;)

Bjos

Anónimo disse...

Até pode ser uma boa medida.Mas depois também não se esquecam de corte nas despesas correntes que como nunca estão a atingir niveis preocupantes.
Façam obras e cortem na propaganda,porque passado um ano de mandato isto é um deserto.
Assim não vamos lá.E esta medida não passa de uma manobra,para esconder os fracassos deste executivo,que até agora tem andado a apanhar bolas.

ai ai disse...

Isto de ser preso por ter cão e não ter, é complicado.
Claro que se este executivo gastasse 4.500€ a pôr uns parôlos a dizer HAAAAAAAAAAAAAA, a olhar para o céu, ía merecer certamente muitos reparos. Agora que decidiu cortar nessa despesa, ai Jesus que é só para "Inglês ver".
Caramba isto é apenas o principio de um conjunto de cortes que o Municipio vai ter que fazer. Deixo aqui um repto: Vai haver iluminação de Natal? Se sim para que é que serve?
Pronto: Cá por casa no Natal anterior houve Lagosta, este Ano, vamos ver se há ao menos sapateira. É a vida!

Municipe Atento disse...

ai ai
Como sabe aqui na Marinha é sempre assim, desde que não seja o outro partido.

Luís Coelho disse...

Parabéns
Hoje presenteias-nos com esta excelente notícia.
A drª Cidália Ferreira tem boas iniciativas e esta é uma delas.
Em tempo de poupança queimam foguetes como se mais nada houvesse para fazer de útil.
Como nas festas populares já era tempo de acabarem com os foguetes.

Pedro Coimbra disse...

Pequenos gestos.
Mas com grande significado.
Um abraço

ai ai disse...

Parece que iluminação de Natal sempre vai haver.,

Anónimo disse...

De facto não existem motivos para fogo de artificio.Porque desgraçadamente o povo está confrontado com uma enorme crise e a passagem de ano vai ser triste... E iluminação de Natal para quê,invistam mas é no Centro tradicional que está uma vergonha . A degradação é total e ninguém mexe uma palha.Tantas promessas eleitorais e até agora este executivo não esboçou uma unica tentativa para evitar o colapso total.

Municipe Atento disse...

É engraçado só se viram para o executivo, então e os comerciantes não tem culpa? Cuidassem dos seus espaços, tratassem bem os clientes.

Anónimo disse...

Se tivessem andado atentos veriam que há algumas semanas que estão colocados postes metalicos pelo centro da cidade, para montar a iluminação de Natal.

Este ano veio por antecipação.

Anónimo disse...

Não estão a fazer mais nada,que não a gastar directa ou indirectamente o dinheiro do erário publico,em acções pouco produtivas.Sem retorno,o que quere dizer que os investimentos estão parados,uma espécie de governação,com o PSD à mistura (ou pelo menos com o vereador eleito nas listas)em que os grandes investimentos não são para avançar.
Que me desculpe o PSD,mas este vereador que em tempos foi do PS,está de novo de alma e coração com o seu Partido de sempre.

Anónimo disse...

É triste que para se conseguir cumprir promessas eleitorais se deixe de fazer outras coisas!!