.
.

terça-feira, 15 de junho de 2010

Pois! Portugal está a jogar, futebol....



Dado que meio Portugal neste momento está parado e como há um meio outro que tem que trabalhar, mas que apesar de tudo está inquieto, por vários razões. Aqui partilho uma cantiga com todos os inquietos que eventualmente visitam o nosso largo, (nem que seja no intervalo). Ao menos que Portugal ganhe!

8 comentários:

Rogério Pereira disse...

Não, não ganhou!
Cá estou!
(também inquieto
mas também irrequieto)

Anónimo disse...

Infelizmente Portugal acabou por não ganhar.
No meio de todas as desgraças essa é mais uma.Ainda que das menores.
Mas de facto o País pára para ver futebol e os Portugueses são adormecidos num momento em que a sua situação é dramática.
As medidas contentidas no Pec e as que foram tomadas como reforço atingem a esmagadora maioria de quem trabalha,que já em si tem dificuldades pelos baixos salários existentes no País.Para além do mais as pequenas e médias empresas aquelas que geram a grande parte do emprego são também fortemente penalizadas,chegando-se a temer que muitas tenham de encerrar as suas portas,criando mais desemprego.
PS E PSD mentem quando dizem que os sacrificios são para todos.É mentira.Os grandes grupos económicos,querem ir mais longe na exploração,nas privatizações,no saque dos recursos nacionais,para manter intocáveis os lucros e previlégios do grande capital.
Paços Coelho quere aliás mais.Mexer mais na liberalização do desemprego e cortar na saúde e outros beneficios sociais.É uma vergonha.Por isso é necessário que os Portuguses acordem,mostrando que existem alternativas e que não estamos condenados a esta politica de direita do PS,do PSD e do CDS.
Merece a pena lutar e mostrar a nossa indignação para com aqueles que são responsáveis por tudo isto e que vivem e viveram à mesa do orçamento.
Não basta discursos de denuncia da situação.É preciso agir.E ter consciência de quem ninguém fará por nós,aquilo que nos compete.Afirmar os valores de Abril,mesmo que tenhamos de romper e começar da estaca zero.Porque seja qual for a situação caminhamos irreversivelmente para o desastre nacional,se não forem encontradas alternativas.E depois pode ser tarde,porque entretanto,aparecerão novos messias,salvadores da Patria,com soluções ditaturiais,que todos já conhecemos e não queremos experimentar mais.Viva os 100 anos da Republica.Que os Republicanos se levantem.

Farto de Hipócritas disse...

E paguem a divida externa portuguesa que quase chega aos € 500 000 000 e PIB é só cerca e
€ 170 000 000.

O senhor anónimo é um ognorante e não tem a noção da grave situação do país!

Estamos a pedir outro Salazar para equilibrar as contas.

ALMANAQUE disse...

Ainda bem que a selecção nacional de futebol não ganhou. Se tivesse ganho, era certo e sabido que amanhã teríamos o Governo a anunciar mais impostos! Do mal o menos. Os ricos que paguem a crise!De resto, o jogo foi um espelho do país que somos... uns empatas!

Anónimo disse...

Irra que este blogue e só musicos de esquerda a torto e a direito..não conhecem mais musicos além desta malta ultra passada saudosista?...era so para agradar a quem tem menos de 60 anos, por favor...

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

E foi cá ua inquietação, que não lhe digo nada!

Anónimo disse...

Ó anónimo das 23:04

Deve andar distraido, eu até já cá vi o Quim Barreiros e outros pimbas.
Mas o que é isso de musicos de esquerda, serão os canhotos?
Em musica há os que cantam e tocam bem e os outros.

Anónimo disse...

Os hipócripas deste País sabem a bafio.
Comem da mesma tulha,sugam em todo o lado e sonham com o fascismo.
Mas não têm sorte porque o povo já os conhece do passado da opressão,da miséria,das perseguições e da exploração.
E depois vêm com a dívida externa,como se não fossem essencialmente eles os culpados da desastrosa situação.
FASCISMO NUNCA MAIS!