.
.

quarta-feira, 23 de junho de 2010

Eu não queria ser pessimista mas estou a ver-me "Grego" para o não ser...

Portugal abaixo da Grécia - Expresso.pt

Vá lá a gente perceber!


Só para desanuviar...

4 comentários:

Fê-blue bird disse...

Só Jô Soares para nos distrair perante tal notícia. Bem, mas todos os dias há notícias diferentes, com dados diferentes, posições diferentes, resumindo, estamos "gregos" ;-)
Um abraço

Apartidário disse...

Caro Folha Seca,

O problema não está em ser pessimista. Com a realidade que conhecemos (garanto-lhe que não sabemos tudo) não sabemos onde vamos chegar.

Infelizmente para Portugal, os factos conhecidos já não podem ser desmentidos alguns optimistas inconscientes (?) que já chegaram à conclusão que o Medina Carreira tinha razão.

Francamente estamos à deriva e não sabemos o que nos vai acontecer. Até agora ainda só aconteceu aos que perderam emprego.

folha seca disse...

Caro Apartidário

De facto não é uma questão de pessimismo, mas sim de realismo. O problema é que para sermos realistas, faltam-nos dados que não sabemos onde estão, alguem saberá? De algumas noções muito, muito básicas que tenho de economia, creio que alguem disse mais ou menos isto: "uma crise económica é como um furacão, detecta-se levemente no inicio mas nunca se sabe quando e onde acaba e o que arrasta com ele".

É esta a grande incógnita que a mim me trás "inquieto".
Cumprimentos

folha seca disse...



Se perdermos a capacidade de rir, nem que seja só um bocadinho, perde-se também a vontade de viver e a vontade de remar contra a maré e esta é alta, muito alta, caramba!
Abraço