.
.

terça-feira, 5 de maio de 2009

Tempo de Antena

14 comentários:

Acintoso disse...

Bem prega Frei Tomás...

Palradores sempre os houve, e então na área da cassete!...

Anónimo porque tem que ser disse...

Quem te manda a ti, sapateiro, tocar rabecão!
Vi e ouvi com atenção redobrada, esta intervenção do Sr. vereador, agora candidato a Presidente da Câmara.
Dizer que toda a intervenção é um embuste seria demasiado forte, mas que se trata de um exercício de descarada manipulação de uma plateia mal preparada para analisar números, isso posso afirmá-lo.
Desde logo, porque os números debitados não podem ser confirmados e porque o investido candidato se esqueceu de dizer que os milhões relatados se referem a "Despesa Paga" e que, grande parte dela, foi referente aos projectos e obras que o PS deixou.
Seria muito mais esclarecedor que o Candidato elencasse o nome dos investimentos da autoria da CDU,(em vez de nos mandar consultar os Diários da República) realizados de Outubro de 2005 até hoje. Não teria sido difícil, porque a lista não é grande.
De cabeça estou a lembrar-me da Construção do Novo Mercado em barracas em terreno sujeito a Plano de Pormenor da Zona Desportiva, da Casa 18 de Janeiro, do início da destruição do natural Vale de S. Pedro, da pintura de fachada do Teatro Stephens, das lombas espalhadas um pouco por toda a cidade, de um furo de captação de água na Vieira e...?...
não me lembro de mais nada, mas dou de barato que pode ter feito mais qualquer coisita. Tudo somado, é menos do que o investimento que destruiu, de forma irresponsáve, no novo Mercado Municipal.
O resto, o Pólis, as Galerias, as escolas, o Centro Tradicional, o Mercado da Vieira, as ruas da Embra, Nery Capucho, etc, etc, já tinham projecto e estavam em fase de adjudicação.
De qualquer forma, este discurso tem o mérito de desmentir, categóricamente, o PCP e o candidato, que se fartaram de dizer que herdaram uma Câmara falida, onde não seria possível fazer obra antes de pagar as dívidas.
A referência à TUMG é uma delícia. Confessa o potestativo candidato que demoraram mais de 3 anos a proceder a uma operação contabilística nos activos da empresa e a realizar um pequeno estudo de fundamentação económico-financeira, para logo anunciar que agora é que é. Daqui a dois meses, ainda a tempo de a empresa ajudar a organizar excursões para visitar as obras do PS ( perdão, CDU), os autocarros estarão ao serviço da propaganda.
Diz agora, o mesmo que antes aquilo afirmava, que investiu mais, sem apoios comunitários, que os outros que o precederam. Só pode haver uma justificação, porque pessoas com a formação do Dr. Cascalho não mentem nem manipulam. SAIU O EUROMILHÕES À CÂMARA E NÓS NÃO SABEMOS.

Anónimo disse...

Será que ainda vai a tempo de ser inscrito no Festival Internacional de Cannes, (filmes de terror) ou mandamos para o Fantasporto.

anarcabe disse...

Peço desculpa, mas esta dicotomia PS/PCP, com culpas óbvias dos dois partidos começa a cansar.

O povo sabe quem fez e faz kaka, podem crer.

Anónimo disse...

É verdade, caro Anarcabe.
Mas também é facto que temos de observar a dicotomia PCP/PS para poder analizar o estado actual da MG. O BE é que faz bem em não andar por lá, senão também já tinha contas a ajustar!

A verdade (uma delas) (e temos que ser realistas) é que o anónimo com uma nome comprido (5/06/2009 2:13 PM) comenta apenas factos que não se devem esquecer. É que esta malta vermelha seguindo a política do "yes man" esquece o que (não) foi feito a favor do voto na urna.

Fiquei com a sensação que as decisões política destes últimos quatro anos parece ter sido feita por pessoas que não tinham a mínima preparação para tal (tipo o governo do cherne mas pior).

Daí também, a minha opinião que apesar de não ter sido perfeito o último executivo camarário PS ter tido a fruta no sítio para realizar e deixar um planeamento de obras futuras. Isso os vermelhos não podem negar e nem se devem queixar porque andaram estes quatro anos às cavalitas desse mesmo planeamento.
O executivo camarário PCP/PSD (qual aberração) é que depois de fanar, sacar vem agora dizer - nós saímos da crise da tanga - tipo, fomos ao vermelho! (ou seria verde)...

Eu só fico descansado quando o povo realmente se decidir a tirar o voto a estes chernes que lá estão agora... Alguém interessado em votar no MCI ?? (eh pá, calma, nada de violência! Estava a brincar). Mais vale ir fazer um totobola sem triplas

Cumprimentos

Ano Nimo

folha seca disse...

Caro Anarcabe

Há muito que não me meto consigo, não queria que julgasse que era uma questão de embirração.

Mas permita-me que discorde com o que escreveu. Pois como é costume dizer-se "o Povo tem uma memória curta" e o poeta tambem disse "que uma mentira repetida pode parecer verdade" (mais ou menos isto)

Isto para dizer que concordo com o anonimo do nome comprido e com o outro anonimo que assina com Ano Nimo.De facto é necessario lembrar cada vez mais quem fez e não fez, para que o resultado eleitoral reflita nos seus resultados essa realidade.

anarcabe disse...

Eu ainda penso que concordadmos todos com todos e que como é claro queremos todos, o melhor para a Marinha Grande.

O que etambém temos todos presente,todos os dias, é o que os dois maoiores partidos eleitos no Concelho (não) fazem, ou (não) fizeram, daí aos dislates entre eles, é um passo.

Alias bastou ver ontem em plena Assembleia Municipal, um simples ponto demorou toda a noite a bater no "ceguinho". Com este tipo de "debates": eu fiz aquilo, ou eu fiz aquele outro. Não se apercebem os contendores, mas cansa e as pessoas o que dizem?: é sempre a mesma coisa! são todos iguais...para quê votar!

Inscreveram-se 7 cidadãos(ãs) para dizer de sua justiça no fim da assembleia passada, como não acabou nessa altura e passou para ontem, claro que nenhum estava presente. Este é um cartão vermelho, que o povo passa e que eu espero que os políticos de momento em exercício vejam e reflictam. Eventualmente estão tão abstraídos com o diz que disse que não repararam.

Vinagrete disse...

Caro (a) Anacarbe
Tanto quanto sei, mas não sei muito, confesso, o BE tem um deputado Municipal.
Apesar de não assistir a uma sessão da AM desde há alguns anos, tenho procurado acompanhar o que de mais importante por ali se vai passando e deixe que lhe diga que o deputado eleito pelo seu partido não tem sido capaz de ocupar espaço próprio e de marcar uma presença activa, perdendo-se na crítica fácil a tudo e a todos, recorrendo demasiadas vezes à votação por abstenção, que sendo legítima, representa um "NIM" a tudo e a nada.
Também são estes comportamentos que desacreditam as instituições e desiludem os eleitores.
Esse discurso fácil de dizer que PS, CDU e PSD é pão da mesma massa e pôr tudo ao forno a cozer em lume brando, reclamando para si méritos que nunca foram demonstrados, não é ética e políticamente aceitável.
A mim não me é dificil reconhecer o mérito da gestão da CDU na década de 80, liderada por um homem a quem o PCP já deveria ter prestado homenagem pública e a que uma esmagadora maioria de marinhenses, de todos os partidos se associaria. Refiro-me a Emílio Rato.
Mas também reconheço que na era pós Emílio, a arrogância, os jogos políticos manobrados pelos controleiros do PCP,a queda do muro de Berlim, a entrada em cena de 2ªs. figuras por abandono das primeiras, etc., foram conduzindo a Marinha para um beco sem saída, isolanda-a do resto do País.
Você, que presumo ser uma pessoa inteligente, reconhecerá que a Marinha voltou a ser colocada no mapa após 1994 e que apesar de muitos erros, de guerras pessoais, da escalada política de uns à custa do esmagamento de outros, etc., a Marinha Grande conseguiu um conjunto de realizações que alteraram muito, para melhor, a imagem urbana da cidade.
Perfeitos, nem pensar!
Iguais a estes, nunca!

anarcabe disse...

Caro Vinagrete

O Deputado do Bloco de Esquerda, entrou em substituição de outro camarada que teve que sair e tem vindo progressivamente a colocar o lugar em evidência. Os votos que ele emana, são da responsabilidade da Concelhia, como alias em qualquer partido. Para lhe retirar a ideia, basta uma dica: votamos contra o orçamento 2008 e provocámos uma reviravolta de 180 graus no Psd, que fez uma reunião de urgência para aprovar o orçamento do "seu" eleito.

No Bloco de Esquerda não existem sexos fortes, nem (o) (a), há mulheres e homens que lutam para o mesmo lado, sempre tivemos paridade nas listas.

Olhe que eu não sou nada inteligente, sou é bastante teimoso e persistente. Se fosse inteligente, por exemplo postava como anónimo, por outro lado não me metia nestas coisas que só dão trabalho e muito, além de despeza. Aqui não há funcionários, tudo é feito com a prata da casa.

Adira ao Bloco, vale a pena.

folha seca disse...

Acabo de dar uma esprateidela pelo artigo de opinião publicado no jornal da Marinha Grande pelo nosso dignissimo presidente da Assembleia Municipal.

Assim á primeira vista (que não sou lá grande coisa com numeros)parece-me que há "marosca" para não lhe chamar outra coisa... Então a actividade de um executivo camarario, os seus feitos e não feitos medem-se por apenas 6 itens?

Não fico nada esclarecido!!!

Acho que alguns dos nossos amigos bitateiros mais entendidos nestas coisas da gestão autarquica e do entendimento do malabarismo com numeros vão ter trabalho de casa para este fim de semana.

desencantado disse...

A CMMG, com executivo CDU/Artur (ex Psd?) não chegou a executar 40% do que prometeu e disse que ía fazer, no orçamento de 2008...

Poderei afirmar que falhou 60%, ou que enganaram a população em mais de 50%. Fazem portanto orçamentos que são autênticos bluf´s.

Infelizmente é o que temos o PS fazia o mesmo, enfim...

Anónimo disse...

Cara anarcabe,

das duas, uma .......

ou diz aqui dia, local e hora da suposta "reunião de emergência" que, ALEGADAMENTE, existiu para o PSD, ALEGADAMENTE, mudar o seu sentido de voto

ou então fica provado que é um GRANDE MENTIROSO.

Anónimo disse...

Irra, que já não há pachorra para tanto disparate.

Com a agravante de querer pôr-se em bicos dos pés e achar-se importante o suficiente para alterar o sentido de voto de qualquer outro Partido.

anarcabe disse...

Afinal havia outros e lêem.