.
.

terça-feira, 25 de dezembro de 2007

Mensagens de Natal II

Porque há gente de quem nunca ninguém se lembra, esta "mensagem" é dedicada ao desgraçado do segurança que passou a noite de Natal a "guardar" o belo mercado da Feira dos Porcos.
.

6 comentários:

Pirilampo disse...

Ainda bem que se lembraram desse 'desinfeliz'!...
Claro está que a vida é dura, mas as obras-primas têm de ser resguardadas e protegidas seja Natal ou Ano Novo, Carnaval ou Dia-de-pão-por-Deus! E como aquele barracame está pelo preço do ouro, há que protegê-lo.
Que melhor homenagem se poderia fazer ao "desgraçado do tal segurança" do que presenteá-lo com esta novel interpretação do presépio na versão impagável do mr. Bean?
Obrigado por ele… pelo segurança, está claro!

Anónimo disse...

Boas Festas para todos!!!

Anónimo disse...

De preferencia no corpo todo!!!

Anónimo disse...

quer dizer que todos os outros seguranças que cumpriram o seu honrado trabalho nesses dias,são desgraçados? Mais respeito por estes trabalhadores.

Anónimo disse...

Se o grande "problema" deste Natal fosse o MERCADO dos PORCOS, ou o seu segurança, SERIAMOS ENTÃO UMA CIDADE como Nehumna outra nem noPái snem no MUNDO!!!!
Infelizes os Pobres de Espírito.

Wolverine disse...

Pois deles será o reino dos ceus, não é? Prefiro ser um pobre de espírito com liberdade para pensar que ser um "rico" seguidor de ideias por outros ditadas...

Bolas! Lá se vão as tréguas...