.
.

domingo, 5 de dezembro de 2010

A chuva cai na poeira como no Poema

8 comentários:

Isa GT disse...

Só amanhã é que consigo ver o vídeo... não sei se é por ser domingo e isto estar muito ocupado mas, hoje, no meu computador... para carregar um vídeo demora tanto que quase adormeço...
se calhar é da chuva... ;)

Bjos

flor de jasmim disse...

Nada mais adequado para este domingo chuvoso, muito bonito o bailado e também o poema, é uma arte muito exigente.
Beijinho

Rogério Pereira disse...

Acho que é a primeira vez que o vejo pôr um post deste género e felicito-o pela sensibilidade com que escolheu este video...

Abraço

Fê-blue bird disse...

O vídeo perfeito para este dia em que estou particularmente triste.
Se calhar é do tempo,se calhar é da vida ...muito lentamente, quase em jeito de despedida.
Cinco minutos e cinquenta segundos muito bem passados.
Obrigada por esta escolha!

Beijinhos

folha seca disse...

Isa
Para quem como eu passou uma vida inteira, sem tempo e diga-se de passagem virado para outros aspectos da nossa vida cultural, apreciar mesmo que só no visor de um computador ou num LCD, é evidente que não substitui o espectáculo ao vivo. Para quem já conta com 45 de trabalho e previa mais ou menos por esta idade, ter algum tempo extra para recuperar, mas parece que ainda não vai dar. Olhe vou chegando onde posso.
Obrigado pelas sua visitas ao nosso Largo.
Abraço

folha seca disse...

Cara Flor de Jasmim
Apesar da nossa proximidade é bom saber que aprecias aquilo que vou escolhendo.
Beijinho

folha seca disse...

Caro Rogério Pereira
Não, não foi a primeira vez que publiquei um post deste género, embora não seja uma constante. Fui inspirado pela chuva que caía na altura.
Obrigado pelas suas visitas.
Abraço

folha seca disse...


É bom a gente saber que alguem gosta das nossas escolhas.
Quanto a essa tristeza diga-lhe como na canção "tristeza por favor vai embora"
Obrigado pelas visitas.
Abraço