.
.

quinta-feira, 20 de março de 2008

(sem comentários)

Nós por cá



e eles por lá...



Só espero que os pais das inocentes criancinhas do primeiro vídeo, apresentem queixa contra a malvada da sôtora que tentou surripiar o telemóvel da pobre menina.
Não há paciência, é uma vergonha!!! Há-de ter um belo futuro este país em que as leis são meras sugestões, o respeito é para rir, o direito é torto, os governos desgovernam, os políticos governam-se e o cidadãos são carneiros. Por mera opção.

12 comentários:

Anacrónico disse...

Desde as 16:00h de hoje, dia 20 de Março, que tenho ouvido a notícia, mas como o vídeo foi retirado do 'mercado' (porque razão o terá sido? Medo de que fiquemos com uma consciência – ainda - mais consolidada acerca da rebaldaria em que se tornou a nossa escola? Uma preocupação, apressada, sobre as consequências que esta gota de água possa trazer? Confesso que não compreendo!), mas, dizia eu, porque o dito vídeo foi retirado não me foi possível vê-lo. Não que isso me trouxesse nada de novo, que estas misérias estão para aí à nossa contemplação diária, apesar de nos andarem sempre a vender a ideia que nada se passa, que está tudo bem nas relações entre alunos e professores, etc., etc.!! Mas gostava de o ter visto. 'Voyeurismo' da minha parte talvez...
Mas, afinal quem são os maiores responsáveis pelas atitudes da nossa garotada? Os pais, os professores ou a escola? Ou seremos nós, a sociedade, que deixamos que a liberdade que nos foi dada com o 25de Abril, fosse por nós assimilada como libertinagem e não soubemos transmitir aos nossos filhos e netos os valores do respeito e da dignidade que devem existir entre as pessoas e, por maioria de razão, nas escolas?
Tenho mesmo de subscrever a legenda do 'marcador' apontado pelo FLC: "esta merda não tem (mesmo) piada nenhuma"!

Anacrónico disse...

Sim, agora já vi. Não houve noticiário que não desse ao assunto o devido relêvo. E bem, a meu ver!...
Também já li nos jornais que a histérica da garota diz que está consciente de que, o que fez, não foi correcto. Pois, di-lo agora que está a ver o mundo a desabar-lhe sobre a cabeça.
Sem dúvida que a miúda (?) merece castigo exemplar, mas a restante turma também deveria ser admoestada e disso deveria ser feita ampla divulgação para que a tresloucada miudagem que anda por aí a ter semelhantes atitudes e comportamentos, possa, no mínimo, ter noção de que, na vida em comunidade há regras que têm de ser cumpridas!.

É triste este estado de coisas, que só a frouxidão dos costumes e a demissão, por parte dos mais velhos, das funções educativas que lhes são devidas, podem justificar.

Digo eu que sou um 'Velho do Restelo'!!

Anónimo disse...

É pena que há vinte e cinco anos atrás não havia telemoveis para poder hoje demonstrar por a + b que tudo aquilo que se viu nas televisões não passa de uma gota no oceano.
Tal como hoje já no passado havia faltas de respeito, agressões verbais e até ataques a bens pessoais de alguns professores.
Justiça seja feita que já muito tinha melhorado mas com as actuais propostas na área educativa deste governo eis que volta a revolta estudantil e até dos professores.
Algo vai mal no mundo do Zé!!

Anónimo disse...

Pior que a "cena muito triste" que o Sócrates tratou de censurar, só mesmo o Post anterior (11:25 PM).

Mais uma vez a desculpabilização e o discurso de que já há 25 anos era assim.

NÃO ERA, NÃO.

Dantes, fazia-se a apologia do respeito e das regras, que todos tinham que cumprir, custasse a quem custasse.

Agora, nesta "porcaria" de País de Esquerda que temos, há quem defenda que os Policias deviam andar desarmados e tenha 6% de votos ...... há quem se preocupe em penalizar um professor se usar da sua autoridade (legitima) mas logo venha desculpar os alunos por terem atitudes destas ou piores .....

O mais triste neste "País de Abril" é ver que alguns Politicos e seus Delfins (vulgo militantes e simpatizantes/votantes) ainda não conseguiram ultrapassar os "traumas" do antigamente e perceberem que nem tudo era mau.

E que a autoridade, desde que aplicada com Justiça, é fundamental para a sobrevivência de um Estado de Direito .... e, já agora, para nos distinguir (positivamente) da Selva ...

O BE é o grande vencedor, queando se veem imagens como esta ..... não se esqueçam que eles defendem a Anarquia (entre outras coisas.


D. Afonso Henriques deve dar voltas no Túmulo .....

Anónimo disse...

E não se esqueçam .....


sem querer "linchar" a menina (?) em público)

se ela não for castigada exemplarmente (expulsão, p.e.) todos os outros alunos/adolescentes vão achar (legitimamente) que podem fazer o mesmo e não ser castigados ....

Custa, mas tem de ser assim ....

Anónimo disse...

tá tudo maluco!
então não acham que a stôra se devia dar ao respeito e nunca permitir que isto acontecesse...

Acintoso disse...

Olha p'ra este. A stôra, coitada dela! Só quem não conhece os ambientes de anarco-indisciplina que reina hoje em muitos alunos é que se pode atrever a dizer isto.
Para a stôra se dar ao respeito era aplicar um valente par de estalos à 'miúda' em causa, mas repararam, por acaso, no arcaboiço da garota?
O que deveria existir nas escolas era uma direcção sem medo de actuar.
Enquanto isso não acontecer, coisas destas irão sempre acontecer.
Vejam só que agora os fedelhos até se dão ao luxo de criarem um movimento contra os directores nas escolas! Porquê? Têm medo da disciplina? Só pode ser isso!!
Já agora, como exemplo, vejam, no segundo vídeo do post, como é que o professor resolve o problema do telemóvel do aluno que teimava em utilizá-lo...

Folha Seca disse...

Tanto saudosismo!

É claro que reconheço o comportamento errado de muitos alunos que frequentam as nossas escolas e que isso nos deva levar a intervir onde quer nos encontremos... Agora por favor alguns bitaites aqui publicados...(valha-me Deus, que sou ateu) só falta o apelo á velha palmatória..

Cláudio Tereso disse...

Cá é assim e lá é assado, por causa de um exemplo de cada lado? Haja paciencia para a malta que gosta de generalizar - especialmente quando é para dizer bem dos outros paises e mal de Portugal.
Além disso, o lá é assim, é falso.

http://www.youtube.com/watch?v=FYwpxU_G4Z0

Anónimo disse...

Já faltava o saudosismo e a palmatória ......

o que falta a muitas crianças e jovens (alguns já adultos) é algumas palmadas na altura certa, em casa, por quem os devia educar. Só que esses, os que os deviam educar, andam muito preocupados consigo próprios ..... alguns, lá no seu intimo, até se devem lamentar a lei do Aborto só agora ter "saído" .... é uma chatice ter de educar os filhos, não é, Folha Seca ??

Voltamos ao mesmo .... uma Sociedade egoísta, virada para o individuo, em que não existe o "Nós", só o "Eu" ....

Só se olha aos direitos individuais e aos das minorias, esuqencendo-nos todos que, antes de termos algum direito, temos muitos deveres .... com a familia, com a sociedade e com o País.


Mas, enfim, é mais fácil assobiar para o lado e acenar com os fantasmas do Fascimo e do antigamente .....

Anacrónico disse...

Ó anónimo das 8:23PM, subscrevo e aplaudo a ambas as mãos o que deixou como comentário.
As pessoas andam realmente muito confusas no que respeita a conceitos de liberdade, da responsabilidade, dos deveres da partilha!
Educação? Respeito? Responsabilidade? Olá!... isso são conceitos arcaicos, bafientos e com laivos de sombras do 'Fantasma de Santa Comba' que, muitos de nós esconjuramos e não queremos nem sequer recordar!
Esquecem-se, os que se afadigam a vir com as ideias de que, quando se está a exigir uma mais sólida educação da nossa criançada, se está a querer desenterrar velhos métodos e, ou, pedagogias de eficácia demonstradamente duvidosa.
Eu sei que sempre houve miudagem insubordinada e de irreverência a rondar o selvagem. Eu sei disso, mas também sei que, então sim, esses eram casos isolados e absolutamente minoritários. É verdade que sim. Mas o que se passa hoje, parece-me, nada tem a ver com essa realidade 'caduca'. Hoje, e salvaguardando as honrosas excepções (que as há, e muitas, felizmente!), a miudagem parece não conhecer os limites que a boa educação recomenda.

Mas isto sou eu a falar (e a pensar). Talvez seja do meu anacrónico anacromismo! Só pode ser...

Anónimo disse...

PORTAGENS NÃO, OBRIGADO!!